sexta-feira, 4 dezembro , 2020

Como 20 de novembro se tornou o Dia da Consciência Negra

51
Elineudo Meira/Fotos Públicas Imagem da 16ª Marcha da Consciência Negra de São Paulo, em 20 de novembro de 2019

Um total estimado em 4,5 milhões de negros escravizados em 350 anos fez do Brasil o maior território escravagista do Ocidente. As cicatrizes desse passado jamais serão apagadas, mas graças a medidas afirmativas implementadas por lei e após muita pressão de movimentos populares, a história da cultura negra vem sendo aos poucos resgatada. Símbolo dessa conquista é o Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro.

A data foi instituída oficialmente pela 1ª vez em 1987, como lei estadual no Estado do Rio Grande do Sul. Mas a ideia começou mesmo a se disseminar em todo o país a partir de 1995, com o tricentésimo aniversário da morte do líder quilombola Zumbi dos Palmares.

Comente essa notícia

Utilize o seu facebook, para comentar