Operação Triângulo Seguro prende quase 100 pessoas

110
© 37º Batalhão de Polícia Militar Durante a Operação, o 37º Batalhão de Polícia Militar, com sede em Araxá, prendeu 33 pessoas

Durante a Operação, o 37º Batalhão de Polícia Militar, com sede em Araxá, prendeu 33 pessoas© 37º Batalhão de Polícia Militar Durante a Operação, o 37º Batalhão de Polícia Militar, com sede em Araxá, prendeu 33 pessoas  Com o objetivo de prevenir e combater crimes como, por exemplo, furtos, roubos, receptação, tráfico e homicídio, batalhões da Polícia Militar de Uberlândia, Uberaba, Araxá, Patos de Minas, entre outras 78 cidades do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, com apoio de outras corporações, participaram da Operação Triângulo Seguro durante 24 horas, entre quinta-feira (20) e sexta-feira (21).  Segundo informações, mais de 1.300 policiais, com os apoios de cerca de 600 viaturas das áreas de atuação da 5ª, 9ª e 10ª regiões de Polícia Militar (RPM), realizaram 93 prisões (sendo 24 cumprimentos de mandados) e 11 apreensões de adolescentes. Além disso, foram apreendidos cerca de 250 papelotes de cocaína, mais de 100 porções de maconha e dezenas de armas brancas, de fogo e munições.Durante a operação, mais de 7.500 pessoas e aproximadamente 5 mil veículos foram abordados, sendo que 71 foram apreendidos e seis recuperados. Aproximadamente 600 autos de Infração de Trânsito (AIT) foram aplicados. Segundo informações da 9ª RPM, com sede em Uberlândia, 19 pessoas foram presas, além das apreensões de dois menores, 38 veículos e considerável quantidade de drogas e armas de fogo. Foram aplicados quase 200 autos de infração de trânsito.  Entre as cidades da 10ª RPM, com sede em Patos de Minas, apenas o 15º Batalhão de Polícia Militar anunciou os seus números, sendo 12 prisões, quatro apreensões de menores, três mandados de busca e apreensão, três veículos apreendidos, além de algumas porções de cocaína, 10 pedras de crack e 20 tabletes de maconha. Entre os batalhões da 5ª RPM, com sede em Uberaba, apenas o 37º Batalhão de Polícia Militar, em Araxá, divulgou os seus números, ou seja, desencadeou a operação nos 12 municípios de sua área de abrangência e informou que contou com apoios da Polícia Militar de Meio Ambiente, Bombeiro Militar, Polícia Militar Rodoviária Estadual, Polícia Civil e Polícia Militar do Estado de São Paulo.

No total, foram 33 prisões realizadas, dois menores apreendidos, além das apreensões de 19 veículos, três armas brancas, uma arma de fogo de calibre permitido, seis munições de calibre 38, 20 porções de maconha, R$ 460 em notas falsas, cinco caixas de anabolizantes e um rádio HT.

Comente essa notícia

Utilize o seu facebook, para comentar