O Cruzeiro segue 100% na Libertadores. Em Cabudare, na Venezuela, a equipe de Mano Menezes venceu o Deportivo Lara, por 2 a 0, gols de Fred e Sassá.

Já classificado e garantido como líder do grupo B, o time mineiro chegou aos 15 pontos. Ainda sonhando com a vaga, os venezuelanos estão em segundo na chave, com cinco, mas podem ser ultrapassados caso o Emelec vença o Huracán.

 Domínio celeste

Sem torcida, o jogo não teve tanta graça. Mesmo jogando em casa, o Deportivo Lara não conseguiu se impor, e acabou completamente dominado pelo rival brasileiro.

Com o controle do jogo, o Cruzeiro passou poucos apuros. Nos primeiros minutos, teve dificuldade de entrar na área. Lucas Silva, então, tentou de fora e mandou arremate perigoso, defendido por Salazar.

Aos 30, Thiago Neves conseguiu deixar Fred perto da área. O atacante fez o que mais sabe: encontrou o caminho da rede, em chute que foi no ângulo.

A Raposa seguiu arriscando chutes de fora na primeira parte. Thiago Neves quase conseguiu o segundo assim, mas Salazar defendeu em dois tempos.

Sassá é o artilheiro da segunda etapa

Os venezuelanos não conseguiam reagir no segundo tempo. Apesar de o jogo continuar em ritmo lento, os brasileiros seguiam com as melhores chances de gol.

Marquinhos Gabriel quase fez o segundo após tabela com Fred. O chute foi forte, e Salazar teve de se virar para evitar um prejuízo maior para a sua equipe.

O jogo seguia tão tranquilo que Mano resolveu poupar Fred. Sassá entrou e, com poucos minutos em campo, teve pênalti para cobrar. Goleiro em um canto, bola para o outro. Com o jogo resolvido, só restou aguardar o apito final para os mineiros levarem mais três pontos ao Brasil.

Comente essa notícia

Utilize o seu facebook, para comentar