O Galo Cantou

367

Feliz de quem vive aqui?

Iturama é uma cidade que pode oferecer tudo para que seus moradores se sintam felizes em viver nela. Isto é um fato!
Mas, por fatores diversos, o slogam não está combinando com a situação atual considerando não só as queixas mas ao estado físico da cidade como os de uma iluminação pública deficiente e com falta de lâmpadas ou queimadas, ou por não permanecerem acesas; área vagas sem limpeza; limpeza urbana ineficiente e agora os buracos nas muitas ruas da cidade, incluindo a artéria comercial que é a Avenida Rio Grande.
A perto de 4 anos, a avenida que dá acesso à Faculdade FAMA, (Avenida Paulo Emílio Fontoura, prosseguimento da rua Monte Alegre), foi marcada com círculos de tinta demonstrando os buracos que dificultavam o trânsito e foi reparada. E agora, na noite de 6 de março, (só que agora foi um grupo de pessoas), marcaram a avenida João Secundino de Queiroz, (lateral da Faculdade Fama), prosseguimento da Rua Ituiutaba circularam com tinta branca, assinalando um número maior de buracos impedindo de vez a passagem de veículos, que podem ser danificados em seus sistema rodante e ou pneus. E nessas duas avenidas, o trânsito é intenso por ser um bairro populoso e por centenas de alunos que frequentam a Faculdade.
É de suma importância que a municipalidade providencie rapidamente uma manutenção às mesmas. O fluxo de veículos é grande e o risco de acidentes é de igual tamanho.
Não só nessas como as demais ruas esburacadas, que e infelizmente, são muitas e… com razão as reclamações.
As fotos, feitas ontem a noite e hoje de manhã, mostram o quanto estão danificadas as avenidas já citadas, como o acesso de ônibus ao Terminal Rodoviário, a lateral do prédio da Câmara Municipal até a Avenida Juca Pádua; a Avenida Rio Grande a partir da Rua Goiás sentido Bairro São Miguel e outras também.
Afinal, o IPTU existe e é bem cobrado, com o objetivo também, de dar a devida manutenção em ruas e o departamento de obras da prefeitura, com sua autonomia de ação, deve assim proceder, no interesse do público pagante além de manter um visual que mereça elogios, condições de trânsito, conforto ao público e acesso normal à Faculdade e aos moradores do bairro.
A população assim espera que seja feito!
E, seguindo a ética jornalística, procuramos fazer contato por celular com a Secretaria de Administração Municipal, para agendar uma entrevista sobre o fato acima e para informar ao público que providências e quando seriam tomadas, mas não conseguimos contato e nem retornaram aos nossos telefonemas.
Restou, portanto, publicar esse estado caótico de nossas ruas, sem poder dar uma justificativa à comunidade, pelo Poder Público Municipal, ferindo assim um direito do povo!
E o povo de Iturama, espera “ainda que tardia”, poder dizer “feliz de quem vive aqui”!

Comente essa notícia

Utilize o seu facebook, para comentar