Eu reclamo, tu reclamas, eles reclamam…

De buracos em diversas ruas, bairros sem cuidados e sem luz, estradas, transporte, saúde, educação com atraso de aulas e tantas outras coisinhas, que até perguntam: “Quem poderia cuidar disso?”. Sei lá! Mas o prefeito falou ontem pela rádio que vai agilizar os trabalhos de estradas, Hospital do Povo, transporte etc. etc. e que até o final de seu mandato, vai ficar tudo certinho e bonito. Só não falou do Hospital do Câncer e da Ituraminha… Vamos ver! Ainda faltam um ano e dez meses… Quem sabe teremos uma surpresa?

Multas em Bancos! Aqui? Não… aqui não!

Já foi visto em noticiários, ter o Procon multado alguns estabelecimentos bancários, por não atender a Lei de Espera (Esperar mais de 15 minutos para ser atendido). O CDC-Código de Defesa do Consumidor, prevê uma série de sanções, mas continuam sendo desrespeitadas e aqui não é exceção. Como é demorado!!!

A denúncia é de suma gravidade. E no que vai dar?

Lá em Campina Verde em plena reunião da Câmara, (11/01/2019), um vereador bradou uma denúncia envolvendo os municípios de Campina Verde e de Iturama, salientando a pessoa do prefeito ituramense. Segundo o denunciante, é de se supor propina. A pergunta é: Por que propor para um de lá se nada tem a ver com os de cá? Qual a razão? A denúncia foi feita. Por que só agora e não na época? Houve “atraso” da proposta? Como vai ficar?  O brasileiro é “o homem do jeitinho”, é possível dar-se um jeitinho e levar mais uma pizza ao forno da impunidade?… Que falem as autoridades!!!

Casa para quem precisa de casa. Vai ser assim?

Conforme anunciado, começam hoje as inscrições para o Programa “Minha Casa Minha Vida”. De outras vezes, a maioria delas foram sorteadas, (vejam a coincidência), para funcionários da prefeitura e mais aparentados e até para quem não precisava. E dessa vez, vai ser para “quem precisa de casa ou para quem quer casa”?

A quem recorrer e pedir SOS?

Se o morador de Iturama paga nos boletos da Cemig, a “Contribuição de Custeio da Iluminação Pública”, por quê tem postes sem iluminação, ou com apaga e acende intermitentemente? Pedir socorro a quem? À Cemig? À Prefeitura? À alguma empresa terceirizada? Ou só paga para ficar apagada?

“Será verdade ou será mentira”?

Estamos em 2019 e em 2020 teremos nova eleição para prefeito. Aqui, as promessas de ontem até hoje não foram cumpridas. Uma delas – a de casa própria – só agora começaram a pesquisa para isso. Por que só agora? Pode muito bem ser uma pesquisa também, para “marketing” político encobrindo a proposta de “uma casa em troca dos votos da família”. Será verdade ou será mentira? Isso já aconteceu aqui em Iturama e… deu certo!

Por que será? Será por quê?

Está voltando a pergunta “Por que um vereador ganha mais que um professor?”. Não é só do professor. É de muitos outros que pregaram a “popança” em bancos de escolas e até de faculdades por anos.  Até o final do ano de 1.969, vereadores eram vereadores para trabalharem de fato a favor do município, sem subsídios financeiros. A partir de 1.970, veio o “salário de vereador” e com ele, o “privilégio” de determinar em cada final de mandato o valor do “piso salarial”, para o mandato seguinte. Assim vem crescendo a cada 4 anos, não importando se tem ou não “carisma” para ser um legislador, mas tem a “vontade” de se eleger e “trabalhar pelo povo. E, para isso, tem que ganhar bem”

 

 

Comente essa notícia

Utilize o seu facebook, para comentar